1

1

Google+ Followers

segunda-feira, 17 de abril de 2017

* IMPORTÂNCIA DOS PAIS NA VIDA DE SEUS FILHOS

* IMPORTÂNCIA DOS PAIS NA VIDA DE SEUS FILHOS

           Os pais tem grande importância na vida dos filhos, sendo que com eles é que se constrói o seu caráter e sua personalidade.

          O pai tradicionalmente, é a figura que representa a lei, que impõe o respeito, que dita as ordens, que disciplina os filhos. Na nossa cultura, ainda cabe a mulher a convivência maior com os filhos e, por ela ser movida mais pela emoção do que pela razão.
          Ao pai não cabe apenas o papel de fazer cumprir as regras, de fazer prevalecer o que é o certo; a ele cabe também o papel de mostrar ao filho o mundo como ele é, sem "moleza", tal como a mãe costuma fazer.

          Os filhos só chegam ser pessoas sociáveis e capacitadas para a vida dependendo das experiências e exemplos que tiveram em casa com os pais.

          Numa família onde todos se querem bem  e se respeitam, a educação torna-se mais fácil.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/importancia-dos-pais-na-vida-de-seus.html

* REPENSANDO A IMPORTÂNCIA DOS PAIS NA VIDA DE SEUS FILHOS

* REPENSANDO A IMPORTÂNCIA DOS PAIS NA VIDA DE SEUS FILHOS

          Com o passar dos anos vem acontecendo modificações revolucionários na vida do ser humano. 

          Avanços tecnológicos que resultaram em maior conforto e possibilitaram o acesso entre os lugares, através de meios de transporte e comunicação.

          Na vida profissional onde existiam apenas homens, hoje se encontram mulheres disputando e executando diversas atividades.
          Sabemos sobre a importãncia das mães na criação dos filhos nos primeiros anos de vida, período que ocorre a estruturação da personalidade infantil. Também é essencial o papel do pai, com seu amor e a inserção dos limites. Vários aspectos são construidos na fase da criança, tais como as relações afetivas e o processo de educação são importantes na vida adulta da criança., sem eles torna-se precária a formação.

          Com o convívio familiar é possível se construir uma boa formação de afetos e educação, que servirão para o resto da vida.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/repensando-importancia-dos-pais-na-vida.html

* ATITUDES DOS PAIS

* ATITUDES DOS PAIS

          
        Hoje diante das dificuldades existentes, faz-se necessária a contextualização política e econômica  da época em que vivemos, e um dos fatores é o desemprego . Diante disso questionamos como tratar a questão da quantidade e qualidade do convívio familar.
          Sabe-se que muitas mães expressam claramente o desejo de dispor de tempo para se dedicar as suas famílias. E que a falta de perspectiva em transformações levam à ansiedade e frustação a respeito do futuro.

       ATITUDES DOS PAIS

        A família influi sobretudo através das atitudes dos pais.

        Atitudes que não favorecem aos filhos
  • Pais que não sabem nada dos filhos e mal lhes dedicam tempo.
  • Pais autoritários, severos e exigentes.
  • Pais superprotetores.
  • Pais indiferentes para com os filhos. 
      Essas atitudes contribuem que os filhos se tornem impulsivos, agressivos e incapazes de enfrentar situações próprias da sua idade e essas crianças dificilmente se adaptam à vida em sociedade e se tornam crianças tristes, pouco cordiais, que fogem das situações de convivência.

     Atitudes que favorecem aos filhos
  • Bom convívio familiar.
  • Relações harmônicas e satisfatórias entre pais e filhos.
  • Amor, compreensão e carinho com os filhos.
      Tanto o pai como a mãe são responsáveis pela família.

      Algumas décadas atrás as idéias que passavam pela frente dos filhos eram mais controladas como: na família, na escola e com os amigos.Hoje, as idéias que podem chegar, tem outros meios para fazê-lo como: a televisão, os filmes e os anúncios.
      Hoje em dia a influência externa é mais forte. Os pais ficam mais tempo fora de casa devido as necessidades familiar e com isso controlam menos essas influências. O tempo que estão com os filhos deve ser bem proveitoso, havendo dialogo, carinho, atenção e bons conselhos, educando assim para o futuro, e isso exige dos pais preparação e saber o que convém fazer em cada idade e em cada momento dos seus filhos.

       
        RESPEITANDO CADA FASE DA CRIANÇA
      
      Desde que nascemos, estamos sempre aprendendo. A cada dia, uma novidade. Ao ajudar as crianças, lembre-se de que é preciso respeitar a fase de aprendizado delas, para não exigir demais nem de menos.


      CONVERSE E BRINQUE COM ELAS

      Pais arrumem tempo para seus filhos. 
     Conversar, brincar, fazer coisas do dia a dia junto com as crianças são formas de demonstrar atenção e carinho. Isso pode ajudá-las a se sentirem mais seguras e a aprenderem mais e melhor. Responda às suas perguntas, ouça suas histórias, conte casos da família. Conversem muito sobre o seu trabalho, sobre coisas que aconteceram durante o dia, que viram na TV ou outros tantos assuntos. Ensine-lhes canções, poemas ou brincadeiras que você aprendeu em sua infância.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/dificuldades-e-atitudes-dos-pais.html

* TEMPO PARA OS FILHOS - UMA MENSAGEM AOS PAIS

* TEMPO PARA OS FILHOS - UMA MENSAGEM AOS PAIS


Um menino com voz tímida e os olhos de admiração, pergunta ao pai, quando este retorna do trabalho:

- Papai! Quanto o Sr. ganha por hora?

O pai, num gesto severo, respondeu:

- Escuta aqui meu filho, isto nem a sua mãe sabe! Não amole, estou cansado!

Mas o filho insiste:

- Mas papai, por favor, diga quanto o Sr. ganha por hora?

A reação do pai foi menos severa e respondeu:

- Três reais por hora.

-Então  papai, o Sr poderia me emprestar um real?

O pai, cheio de ira e tratando o filho com brutalidade, respondeu:

- Então era essa a razão de querer saber quanto eu ganho? Vá dormir e não me amole mais, menino aproveitador!

Já era tarde quando o pai começou a pensar no que havia acontecido e sentiu-se culpado. Talvez, quem sabe, o filho precisasse comprar algo.
Querendo descarregar sua consciência pesada, foi até o quarto do menino e, em voz baixa, perguntou:

- Filho, está dormindo?

- Não papai! (respondeu sonolento o garoto)

Olha aqui está o dinheiro que me pediu, um real.

- Muito obrigado papai! (disse o filho, levantando-se  e retirando mais dois reais de uma caixinha que  estava sob a cama).

Agora já completei , Papai! Tenho três reais. Poderia me vender uma hora do seu tempo?

"Será que estamos dedicando tempo suficiente aos nossos filhos?"

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/tempo-para-os-filhos-uma-mensagem-aos.html

* PAIS, SUA PARTICIPAÇÃO É IMPORTANTE

* PAIS, SUA PARTICIPAÇÃO É IMPORTANTE

          A leitura é uma ferramenta importante para o estudo, trabalho e o desenvolvimento cognitivo da criança.

          Algumas crianças demonstram resistência à leitura. Elas costumam contar as páginas do livro e desanimam ao pensar que a leitura pode lhes tomar muito tempo.

          Neste caso é aconselhável dar livros simples com pouco texto, com letras grandes e com muitas ilustrações.
          É importante que os pais leiam livros com seus filhos e depois comentar. Isso não apenas estimula a criança a ler, como também estimula a comunicação entre pais e filhos. É interessante também que a criança conheça, desde pequeno, a variedade de livros.

          É importantíssimo que a criança adquira o hábito de leitura. Deve-se respeitar a personalidade e os gostos das crianças, e não se deve forçá-las a lerem o que não querem, também não é bom criticar as preferências das crianças em matéria de livros, pois nem todas as crianças tem o mesmo grau de maturidade, a mesma disposição ou o mesmo grau de sensibilidade e de interesses.
          Pais, arrumem livros de boa qualidade, de maneira que seus filhos possam acostumar à boa literatura, e participem também com eles o hábito de ler. Uma vez acostumados à leitura desde pequenos, sempre levarão consigo esse exemplo, pois crianças cujos pais lêem ,certamente também o farão.

          Pais, dê livros de presente no Natal e nos aniversários além de brinquedos.
          É importante estimular a leitura na criança como uma experiência valiosa e prazerosa.

          Percebe-se que as crianças imitam as atitudes dos pais. Se os pais tem o hábito de ler, parecerá para as crianças natural e bom o ato de ler.

          O que não se pode fazer é associar o ato de ler como um castigo ou uma forma de punição. Com certeza se isso acontecer a criança vai relacionar leitura com obrigatoriedade e isso não é bom caminho para incentivar a leitura.

          Ler tem que ser associado a um prazer e não a um dever.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/pais-sua-participacao-e-importante.html

* COMPROMISSO DOS PAIS

* COMPROMISSO DOS PAIS

          
          Todos queremos o melhor para nossas crianças. Sonhamos para elas um futuro com mais oportunidades de serem felizes e de se realizarem na vida profissional e pessoal. Para que esses sonhos possam tornar-se realidade, nossas crianças precisam desenvolver-se cada vez mais e melhor.

          A família na vida escolar das crianças é fundamental. A família é capaz de despertar o interesse e a curiosidade delas e incentivar a sua aprendizagem. Pais, por isso o seu compromisso é indispensável.

          Pais, acompanhem a vida escolar de seus filhos e valorizem suas tarefas, estimulem-nas a gostarem de aprender e a serem  curiosas também na vida fora da escola.

          Por isso pais, estejam sempre presentes na vida de seus filhos, orientando-os e incentivando-os nos deveres e nas leituras, porque ler é fundamental.

          Falando em leitura, aproveita e fale sobre a primavera que começa dia 23/09  e acaba dia 21/12. Comenta sobre a  beleza das flores, o colorido, o seu perfume, o cantar dos pássaros, as borboletas e outros.
http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/compromisso-dos-pais.html

* AJUDEM AS CRIANÇAS A GOSTAREM DE LIVROS

* AJUDEM AS CRIANÇAS A GOSTAREM DE LIVROS

          Procure ter em casa livros, revistas, gibis e jornais e incentivar a leitura das crianças. Tudo isso é um caminho para o prazeroso hábito da leitura compartilhada em família.

          Muitas vezes, as crianças desistem da leitura ao encontrarem palavras desconhecidas, mas, na maioria dos casos, só de continuar a leitura acabamos por entender o que tais palavras querem dizer. Se for preciso e você puder, explique as palavras difíceis ou procure com eles o significado no dicionário.

          De vez em quando, dê livros interessantes de presente ou um caderno para que usem como diário pessoal, onde possam escrever, desenhar, copiar poemas, colar coisas marcantes de sua vida.


                           ESCUTE AS CRIANÇAS LEREM EM VOZ ALTA
          
         Se as crianças já sabem ler, sugira que leiam em voz alta e escute com atenção. Se elas estiverem tímidas ou gaguejando, tenha paciência. Não fique corrigindo, pois logo irão soltar-se e fazer uma leitura melhor. Em seguida, conversem sobre o que foi lido.


                                         NUNCA AS OBRIGUE A LER

      Não faça da leitura uma obrigação nem utilize como um castigo. Para fazer da criança um bom leitor, ela precisa ler com prazer.
http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/ajudem-as-criancas-gostarem-de-livros.html

* ESTIMULE AS CRIANÇAS A ESCREVEREM

* ESTIMULE AS CRIANÇAS A ESCREVEREM

          Dependendo da idade, estimule as crianças a escreverem bilhetes, cartas para amigos ou parentes distantes.

          Se notar que elas gostam de escrever, valorize a escrita e proponha que montem um livrinho, com ilustrações, recortes etc.
          Peça às crianças que façam um cartão para amigo que faz aniversário. Se ainda não souberem escrever, elas podem ditar para você.

          Pais, existem muitos jogos que utilizam a escrita, tais como:palavras cruzadas, caça palavras etc.
          
         Pais ajude as crianças com carinho, a aprender mais e melhor, e diga a elas que  podem contar com vocês.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/estimule-as-criancas-escreverem.html

* PAIS, ELOGIE SEUS FILHOS

* PAIS, ELOGIE SEUS FILHOS



          Pais, demonstre aos seus filhos que escrever é muito útil, não só na escola, mas também na vida. É muito importante que eles vejam você escrevendo.   Por exemplo:
  • Um endereço, um número de telefone, lista de compras, receitas etc.
         Peça às crianças que anotem recados.
         Peça para escreverem o seu nome etc.
        
         
Se por ventura a criança escrever algo errado, não brigue, pois,  no início, todo mundo erra. Elogie em vez de corrigir.

         O importante é que elas escrevam com liberdade e imaginação. Aos poucos, os erros vão diminuir e a letra melhorar. É muito importante que você dê parabéns do que ficar corrigindo, se ficar só corrigindo isso inibe a criança e ela passará  a não gostar de escrever.
http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/pais-elogie-seus-filhos.html

* A LEITURA NO NOSSO DIA A DIA

* A LEITURA NO NOSSO DIA A DIA


           Pais, mostrem aos seus filhos que a leitura ajuda nas coisas que fazemos todos os dias.

          Peça que elas leiam rótulos de embalagens. Depois da leitura, conversem sobre o produto.

          Cozinhe algo saboroso junto com a criança e peça que ela que vá lendo a receita.
       
         Quando  caminharem juntos ou estiverem  de carro ou de ônibus, leiam os anúncios e letreiros e depois comentem.

         Leiam juntos a programação da TV para escolherem a qual programa vão assistir.

         Leiam manchetes de jornais ou mesmo notícias, com assuntos interessantes que acontecem na sua cidade ou nos outros países do mundo.

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/leitura-no-nosso-dia-dia.html

* ORAÇÃO DOS PAIS



Senhor, é bom ter um filho,
no entanto, como é difícil criá-lo!
Ajude-nos a acertar Senhor!
Fazei com que nós possamos
compreendê-lo em todas as situações.
Que sejamos pacientes com suas atitudes.
Justo em todas as situações,
severo se for preciso,
mas que possamos partilhar de todas as suas alegrias,
diminuir e suavizar as suas tristezas.
Esquecer suas faltas.
Que sua linguagem nos seja fácil.
Que nós aceitemos as suas deficiências.
Que ele tenha certeza do nosso apoio,
do nosso amor...
Faz com que ele seja uma pessoa do bem,
e sempre feliz!
E que mais tarde, nós possamos dizer:
-"Obrigado Senhor, nós acertamos..."

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/oracao-dos-pais.html

* QUE TIPO DE PAI VOCÊ É?

* QUE TIPO DE PAI VOCÊ É?

  • Exator = faz cobranças minuciosas de tudo.
  • Xerox = o filho tem que ser sua cópia perfeita.
  • Expositor = exibe o filho como um produto numa feira.
  • Autocrata = em casa, quem decide sou eu.
  • Frustador = corta, pela raiz, qualquer iniciativa.
  • Caxias = se a lei existe, é para ser cumprida.
  • Chantagista = se não fizer isto, é porque não me ama.
  • Irresponsável = resolva isto com sua mãe.
  • Comerciante = só te dou isto, em troca daquilo.
  • Desligado = ignora tudo o que diz respeito ao filho.
  • Inseguro = quem sabe, pode dar tudo errado.
  • Provedor = tranquiliza-se dando coisas ao filho.
  • Permissivo = o filho pode fazer tudo o que quiser.
  • Proprietário = o filho é meu e faço dele e com ele o que quero.
  • Promotor = sempre encontra algo para acusar o filho.
  • Educador = ajuda a desabrochar o adulto que está na criança.
  • Formador = leva a sério a formação integral do filho.
  • Democrata = dialoga para chegar a um consenso.
  • Disponível = reserva um tempo precioso para o filho.
  • Observador = acompanha atento as etapas do desenvolvimento do filho.
  • Previdente = prepara o filho para aprender com os fracassos por vir.
  • Agradecido = reconhece no filho um presente de Deus, aos seus cuidados.
  • Libertador = alerta que a verdadeira liberdade é um bem que se conquista.
  • Responsável = paga o preço de nunca ser omisso.
  • Religioso = revela que a vida não se limita aos horizontes terrenos.
  • Paciente  = ensina que a maturidade não acontece sem atropeços.
  • Esperançoso = acena para a luz, que está sempre no fim do túnel.
  • Corajoso = enfrenta os combates pelo sentido da vida.
  • Prudente = orienta a fazer os passos de acordo com as pernas.
  • Realista = prepara o filho para viver muito além dos limites da família.
                                                                              Pe. Bolivar Hauck
http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/que-tipo-de-pai-voce-e.html

* ADAPTAÇÃO ESCOLAR...

* ADAPTAÇÃO ESCOLAR

          Quando seu filho vai à escola pela primeira vez é normal que ele sinta alegria e ansiedade, pois tudo aquilo que é novo e desconhecido é sempre encarado como um desafio e neste caso é um desafio para a criança, para os pais e para a escola. Você poderia ajudar seu filho nessa nova socialização de sua vida .
  • Antes de matricular o seu filho veja a referência da escola,  se o método adotado corresponde às suas expectativas e crenças.
  • É de suma importância que você leve seu filho no primeiro dia de aula, conheça a professora da sala e diga a ele  que vai ser bom estudar ali, que ele vai fazer novos amiguinhos e outras coisas boas que ele irá fazer : desenhar, pintar, escrever, recorte, colagem, jogar bola, ler etc.
  • Esteja atento a tudo que diz respeito a seu filho, interesse-se pelas novidades que ele irá contar ao chegar da escola.
  • Procure estar sempre presente às reuniões, comemorações , eventos da escola, entrega de notas e outros. Ele se sintirá orgulhoso.
         Faça questão de mostrar a seu filho que você está  sempre presente.

* PAIS, AJUDE SEUS FILHOS A GOSTAREM DE MATEMÁTICA

* PAIS, AJUDE SEUS FILHOS A GOSTAREM DE MATEMÁTICA

Mostre às crianças, como a matemática é útil e divertida para a vida. Cuidado para não passar as suas inseguranças a ela. Por exemplo, não diga que você ia mal em matemática na escola, que esta é uma matéria chata. Crianças se influenciam pelos pais e isso pode fazê-las não gostarem de matemática na escola.

Mostre às crianças como a matemática está presente no dia a dia. É possível ensinar a criança a aprender matemática com prazer e sem medo.

Você pode até achar que não entende muito de matemática, mas, mesmo sem perceber, a utiliza em muitas situações que pode mostrar para as crianças: ao conferir o troco da padaria, calcular quantos dias faltam para um aniversário, ou quando lê as quantidades dos ingredientes da receita de um bolo e outros.



Chame as crianças para participarem dessas situações. Por exemplo, peça para elas ajudarem a fazer as contas para as compras da casa . Faça vários questionamentos. Exemplo, se vou a feira comprar  : tomates, cebolas, batatas, alho e alface.Será que esse dinheiro dá para comprar tudo isso?

Após chegarem do mercado, peça às crianças somarem os valores dos produtos . 
Quando for preparar uma receita, chame as crianças. Faça perguntas que as ajudem a pensar: "Para esta receita vou precisar de 250 gramas de farinha de trigo; se eu quiser fazer o dobro, de quanto de farinha vou precisar?"

Calculem as horas, os dias ou os meses. Questione quantos dias faltam para o seu aniversário? E quantas semanas? Quantos dias faltam para o próximo domingo? E para o Natal?

Brinquem juntos fazendo contas de cabeça . Se uma cadeira tem quatro pernas, quantas pernas tem três cadeiras? Quantas rodas tem uma bicicleta? E um caminhão? etc.

As crianças amam brincar e porque não aprender brincando?
http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/pais-ajude-seus-filhos-gostarem-de.html

* BRINCANDO TAMBÉM SE APRENDE MATEMÁTICA

* BRINCANDO TAMBÉM SE APRENDE MATEMÁTICA

          Invente jogos que usem números. Se as crianças forem pequenas, brinque com números fáceis; se elas já são maiores,números mais altos.
          Brinquem de formar números. Por exemplo: com o 5 e o 2 pode-se formar 27 e o 72 etc.
         Brinquem de contar de 2 em 2, de 5 em 5, de 10 em 10, de 100 em 100...
         Diga um número e peça que elas encontrem números maiores, menores ou que estejam entre dois números etc.

          Brinquem de amarelinha, jogos com dados, jogo da velha, trilha e quebra cabeça. São atividades simples que ajudam a desenvolver o raciocínio das crianças.

          As crianças também aprendem a contar fazendo coleções. Por exemplo: colecionar figurinhas, pedras coloridas, botões etc

"Brincar é uma atividade essencial para o desenvolvimento físico, mental e social da criança."

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/brincando-tambem-se-aprende-matematica.html

* USO DA CALCULADORA

* USO DA CALCULADORA

                                                                 
 
Deixe que as crianças usem a calculadora. Primeiro porque ela é um instrumento importante, que todos precisam saber utilizar; depois porque ela não vai impedir que as crianças aprendam a fazer contas. Na verdade, a calculadora pode ajudar a descobrir muitas coisas importantes da matemática. Por exemplo: desafie as crianças a fazerem aparecer no visor o número 27 sem apertar a tecla do número 7. Quantas contas elas vão precisar fazer para chegar lá?




É divertido ver as crianças procurando o resultado.







MAPA 

                Desenhe com as crianças um mapa de como chegar da escola até sua casa, se tiver mapa em casa, mostre onde fica alguns estados, fale sobre o nº de habitantes de sua cidade e outros.



FIGURAS GEOMÉTRICAS

 Brinque também de descobrir figuras geométricas nos objetos da casa. A porta é retangular, a boca de um copo tem a forma de círculo etc.


Peça para as crianças desenharem alguma coisa usando as figuras geométricas.





          Esses são alguns exemplos de como conviver com as crianças despertando sua curiosidade e o prazer de aprender. O importante é criar um clima de cumplicidade para que elas se sintam confiantes e estimuladas.        

http://cleidespedagoga.blogspot.com.br/2010/09/uso-da-calculadora.html