1

1

Google+ Followers

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Renault Sandero R.S. estreia série limitada Racing Spirit


Renault Sandero R.S. estreia série limitada Racing Spirit


O Renault Sandero R.S. 2.0 passa a contar com uma série especial limitada a 1500 unidades, a Racing Spirit. Esta versão do hot hatch passa a trazer pneus 205/45 Michelin Pilot Sport 4 (que prometem frenagens melhores e mais durabilidade) que calçam as rodas de 17 polegadas, agora com a calotinha central pintada de vermelho, assim como as pinças de freio. Aliás, a cor vermelha está também no contorno inferior do para-choque, capas dos retrovisores, difusor traseiro e no adesivo lateral com a inscrição Racing Spirit.






Por dentro, o modelo recebe uma placa numerada, perto da alavanca de câmbio, que identifica a numeração do Racing Spirit. O forro do teto agora é preto e a cor vermelha está nos aros dos difusores de ar laterais e no contorno do velocímetro, além das costuras e faixas dos bancos. Outros detalhes interessantes são a moldura central do painel central em preto-brilhante, as maçanetas internas cromadas e o conjunto de capas dos pedais e descansa-pé.



Com motor 2.0 16 válvulas aspirado de 4 cilindros, que entrega 150 cavalos a 5750 rpm e 20,9 kgfm com etanol a 4000 rpm (com gasolina, são 145 cv e 20,2 kgfm de torque, nas mesmas rotações) e câmbio manual de 6 marchas com relações curtas, o Sandero R.S. atinge a velocidade máxima de 202 km/h (200 km/h com gasolina) e vai de 0 a 100 km/h em 8,0 segundos (8,4 s com etanol).



A suspensão possui acerto esportivo e está associada à direção eletro-hidráulica (que era exclusividade do R.S. em seu lançamento em 2015, mas passou a ser incorporada para todas as outras versões em 2016, com diâmetro de giro de 10,6 metros) e aos freios a disco nas quatro rodas, ventilados na frente de 280 mm de diâmetro e 24 mm de espessura, e com 240 mm de diâmetro na traseira.

O tanque de combustível comporta 50 litros, e o porta-malas, 320 litros. Seu peso, em ordem de marcha, é de 1161 quilos. Há ainda o seletor de modos de condução R.S. Drive por botão no painel, no qual é possível escolher ainda entre três modos de condução: Standard, Sport e Sport+:



Modo Standard: Este é o modo mais indicado para uso cotidiano. O ESP e o ASR ficam ligados. O Modo Standard não exige nenhuma intervenção do motorista (ativado toda vez que se dá a partida).
Modo Sport: os pedais ficam com respostas mais rápidas, o ronco do motor se intensifica, a desaceleração fica mais lenta, e a rotação de marcha lenta é aumentada para 950 rpm. O modo Sport é acionado por meio de um toque no botão R.S., localizado no console central.
Modo Sport+: todos os recursos do modo Sport, além da desativação dos controles de estabilidade e tração. O modo Sport+ é acionado através de uma longa pressão no botão R.S.




Produzida na fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR), a série limitada Sandero R.S. 2.0 Racing Spirit tem preço sugerido de R$ 66.400. De série, traz, entre outros itens, controles de estabilidade (ESP) e de tração (ASR), assistente de partida em subidas (HSA), faróis de uso diurno de LED, ar-condicionado com ajuste de temperatura automático, vidros elétricos nas 4 portas, banco do motorista regulável em altura, controlador e limitador de velocidade, sensor de estacionamento traseiro e sistema multimídia Media NAV Evolution, com tela de 7 polegadas touchscreen, GPS, Bluetooth e entradas USB e auxiliar. O Sandero R.S. Racing Spirit será exibido durante o Salão do Automóvel de Buenos Aires 2017, que acontece entre os dias 10 e 20 de junho.
















 
http://www.autorealidade.com.br/2017/05/renault-sandero-rs-estreia-serie.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário