1

1

Google+ Followers

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Acidente em Rodeio na ponte entre Rodeio e Ascurra contabiliza mais uma vítima fatal. Homem de 70 anos morre em acidente na BR-470 em Ascurra Oito pessoas se envolveram na colisão e foram levadas a hospitais da região


Homem de 70 anos morre em acidente na BR-470 em Ascurra
Oito pessoas se envolveram na colisão e foram levadas a hospitais da região
Ford Fiesta ficou parcialmente destruído após o choque Foto: Airton Souza / Divulgação


Um homem de 70 anos morreu após acidente de trânsito sobre uma ponte no Km 89 da BR-470 em Ascurra. Adenísio de Andrade, passageiro de um Ford Fiesta com placas de Otacílio Costa, teve uma parada cardíaca e morreu no local. No total oito pessoas se envolveram no acidente e foram encaminhadas a hospitais da região.

Com o impacto da colisão a Ford Ranger com placas de Gaspar caiu da ponte e foi encontrada sobre as margens de um rio. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda não divulgou a circunstância do acidente — sabe-se apenas que foi uma colisão frontal entre os dois veículos — nem o horário da ocorrência.

As pessoas que trafegavam no Fiesta — Elizabel de Souza, 47; Nelson Antônio de Souza, 50; Maria Glória de Andrade, 70; e um menor de 10 anos — foram divididas entre os hospitais Beatriz Ramos, em Indaial, Waldomiro Colautti, em Ibirama, e Blumenau (os Bombeiros não repassaram qual casa de saúde). Os que trafegavam na Ranger — um jovem de 18 anos e dois menores de idade, de 14 e 15 anos —, foram para o Hospital Oase, em Timbó, Indaial e Blumenau.


JORNAL DE SANTA CATARINA

Acidente em Rodeio na ponte entre Rodeio e Ascurra contabiliza mais uma vítima fatal.Um acidente às 18h30 entre um Fiesta e uma Pickup, deixou uma vítima fatal e sete vítimas com ferimentos, sendo duas em estado grave e uma com ferimentos médios.


Acidente em Rodeio na ponte entre Rodeio e Ascurra contabiliza mais uma vítima fatal.

Um dia antes do protesto pedindo melhorias na sinalização na ponte entre os municípios de Rodeio e Ascurra, mais uma vítima fatal é contabilizada.

Um acidente às 18h30 entre um Fiesta e uma Pickup, deixou uma vítima fatal e sete vítimas com ferimentos, sendo duas em estado grave e uma com ferimentos médios.

Maiores informações amanhã.

O protesta será amanhã (20) às 10h com a parada da Br 470 por cerca de 15 minutos, no mesmo local onde aconteceu o acidente.

acidente ponte entre rodeio e ascurra protesto br 470
http://www.blogdoairtonsouza.com/#!single-post/cjds/DF5374A9-08ED-4BAA-92E4-2328FF3F59F6

Mexicana esquarteja marido e espalha corpo pela capital



Uma psicóloga foi acusada de ter esquartejado seu marido e espalhado as partes do corpo por diversos pontos da Cidade do México. Ela teria usado o celular da vítima para despistar a polícia e os familiares. As informações são do Daily Mail.

Segundo a publicação, Maria Alejandra Lafuente Caso, 40 anos, alegou que apanhava frequentemente do marido, o mexicano Allan Carrera Cuellar, 41 anos. 
De acordo com as investigações, ela teria drogado Cuellar dentro de casa e desmembrado seu corpo com uma motosserra. Os restos mortais da vítima foram espalhados pela cidade em sacos plásticos pretos. 

Para despistar a família, Maria teria inventado que o marido estava em uma viagem de negócios. Com o celular dele, a acusada enviou mensagens de texto confirmando sua versão da história.

No entanto, quando crianças brincavam em um parque local, encontraram o saco com a cabeça da vítima. Mais tarde, braços e pernas foram localizados em outros pontos da cidade. 



Maria foi presa e será julgada por assassinato nos próximos meses, na Cidade do México. Embora seu advogado defenda que ela tinha problemas psicológicos, essa informação não foi confirmada pelo juíz local.




TERRA

Chapecoense é o time mais valioso de SC; Figueirense o que mais valorizou. Criciúma aparece como catarinense que mais recuou no relatório divulgado pela Pluri Consultoria.





Criciúma aparece como catarinense que mais recuou no relatório divulgado pela Pluri Consultoria.


Foto: Sirli Freitas / Agencia RBS


Patinho feio que nada. Em dois anos, a Chapecoense saiu de um time de Série C para um que planeja a segunda temporada na elite do futebol nacional. E não só isso: ele é apontado como o time mais valioso de Santa Catarina, de acordo com um relatório divulgado pela Pluri Consultoria. O valor de mercado do Verdão estaria avaliado em 22,1 milhões de euros, algo em torno de R$ 74 milhões.



O que mais se valorizou, no entanto, foi o Figueirense. O Furacão cresceu 14% de 2013 para 2014 e agora ocupa a segunda colocação dos catarinenses. O valor de mercado é um pouco mais baixo do que da Chapecoense, e é avaliado em R$ 59 milhões.

O Criciúma foi o clube que mais se desvalorizou neste período. O Tigre saiu de um valor de R$ 64,32 em 2013 e sofreu um decréscimo de 24%, alcançando o patamar dos R$ 48,9 e segurando a quarta colocação dos times de SC

O Joinville é o terceiro mais valioso, com valor de mercado na casa dos R$ 53,6 milhões e o Avaí aparece como o último dos cinco com R$ 46,6 milhões e um crescimento tímido de 2%. 



Cruzeiro é o mais valioso pelo segundo ano seguido



Bicampeão do Brasileirão, o Cruzeiro segurou o topo do ranking pelo segundo ano seguido. Com impressionantes R$ 273,7 milhões de valor de mercado, o clube comandado pelo técnico Marcelo Oliveira cresceu 27% nos últimos 365 dias. São Paulo aparece como o segundo colocado com R$ 235,8 milhões, seguido por Atlético-MG (R$ 195,3 milhões), Corinthians (R$ 174,9 milhões) e Internacional (R$ 170,2 milhões).

A representatividade dos times catarinense na pesquisa dos 25 times mais valiosos do país é mais numérica do que de porcentagens. De um total de R$ 2,869 bilhões, os cinco de SC equivalem apenas 9,82% desse valor. 




DIÁRIO CATARINENSE

Itália julgará em fevereiro extradição de Pizzolato. Tanto o Brasil quanto o Ministério Público da Itália recorreram da decisão.

Tanto o Brasil quanto o Ministério Público da Itália recorreram da decisão.


A Justiça italiana marcou para o 11 de fevereiro de 2015 o julgamento final sobre o destino que dará ao brasileiro Henrique Pizzolato, ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil, condenado por envolvimento no mensalão.
No mês passado, a Corte de Bolonha considerou que as prisões brasileiras não tinham condições de receber o condenado e optou por soltá-lo. Pizzolato passou a ser um homem livre na Itália, depois que entrou no país com documentos falsos de um irmão mortos há mais de 30 anos.

Tanto o Brasil quanto o Ministério Público da Itália recorreram da decisão. O MP italiano acredita que o brasileiro precisa cumprir sua pena no Brasil e discorda da conclusão do tribunal de Bolonha de que as prisões brasileiras não têm condições de receber o condenado.
No recurso, a promotoria da Itália indicou que não se pode generalizar as situações das prisões do Brasil e que outros condenados no caso do mensalão tiveram sua segurança garantida no Complexo da Papuda, no Distrito Federal. A defesa de Pizzolato utilizou relatórios da ONU e da Anistia Internacional para convencer os juízes italianos de que Pizzolato não deveria ser mandado ao Brasil.
Com os recursos do MP e do Brasil, o caso foi enviado à Corte de Cassação de Roma. Uma audiência foi estabelecida para o dia 11 de fevereiro e deve ser a única nessa etapa final do processo. Até lá, Pizzolato continua livre na Itália.
O ex-diretor foi condenado a doze anos e sete meses de prisão no julgamento do mensalão. Em outubro de 2013, ele fugiu para a Itália. Em fevereiro deste ano, ele acabou sendo descoberto na casa do sobrinho na cidade de Maranello, no norte da Itália, e levado para a prisão de Modena. Mas por falta de garantias nas prisões brasileiras, a extradição pedida pelo Brasil foi recusada.




ANSA

Homem de 30 anos morre em acidente no trânsito em Blumenau. Um homem de 30 anos morreu nesta quinta-feira à noite após bater com o carro contra um caminhão na Rua das Missões, Ponta Aguda, Blumenau. Luiz Edison Outeiro teria rodado ao fazer uma curva, faleceu no acidente.



O carro, que ficou bastante destruído com a colisão, se deslocava no sentido bairro-Centro 

Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS


Um homem de 30 anos morreu nesta quinta-feira à noite após bater com o carro contra um caminhão na Rua das Missões, Ponta Aguda, Blumenau. O acidente ocorreu por volta de 20h20min.
Segundo a Guarda de Trânsito, como a pista estava molhada o Gol com placas de São José conduzido por Luiz Edison Outeiro teria rodado ao fazer uma curva, perdido o controle e se chocado contra um caminhão, com placas de Blumenau, que estava estacionado. Outeiro morreu no local.
O carro, que ficou bastante destruído com a colisão, se deslocava no sentido bairro-Centro. A batida foi perto da Concessionária Kia, onde neste trecho o trânsito segue em meia-pista por causa do acidente. 

JORNAL DE SANTA CATARINA

Negado recurso para reabrir inquérito sobre a morte da mãe de Bernardo. Pedido havia sido feito pelo advogado da avó do menino e mãe de Odilaine Uglione, alegando que ela teria sido assassinada.





Pedido havia sido feito pelo advogado da avó do menino e mãe de Odilaine Uglione, alegando que ela teria sido assassinada.


Odilaine (à esquerda) ao lado do menino Bernardo e da mãe Jussara Uglione 

Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal



Por unanimidade, o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) negou, nesta quinta-feira, o pedido para reabrir a investigação criminal que apurou as circunstâncias da morte da mãe do menino Bernardo, Odilaine Uglione.

Na época da morte, em 2010, a investigação da polícia concluiu que Odilaine cometeu suicídio com um tiro na boca, no consultório do marido, Leandro Boldrini — versão contestada pela família dela.



O pedido de desarquivamento do inquérito policial já havia sido negado pelo titular do processo na Comarca, Juiz Marcos Luís Agostini. Na ocasião, o advogado da avó de Bernardo, Marlon Adriano Taborda, sustentou terem surgido novas provas indicando que Odilaine não teria se matado, mas sido assassinada. 
Defensor da avó de Bernardo, Jussara Marlene Uglione, Taborda pediu a reabertura do caso baseado em lesões no antebraço direito e lábio inferior da mãe de Bernardo, além de vestígios de pólvora na mão esquerda da vítima (que era destra), entre outras alegações sobre as informações do laudo pericial.

Recurso

A juíza convocada ao TJRS, Rosane Ramos de Oliveira Michels, votou pelo não conhecimento do recurso, em face da intempestividade. O artigo 195, § 2°, do Código de Organização Judiciária do Estado do Rio Grande do Sul (COJE) determina que "é de cinco dias o prazo para pedir Correição Parcial, contado a partir da data em que o interessado houver tido ciência do ato ou despacho que lhe der causa".
No caso, o advogado de Jussara foi intimado da decisão em 20 de agosto deste ano (data em que foi disponibilizada a decisão no Diário da Justiça Eletrônico). 
— Desta forma, publicada a nota no dia 21/08/14, tem-se como termo inicial o dia 22/08/14 e final em 26/08/14, conforme o disposto no art. 195, § 2°, do COJE. Todavia, a presente Correição Parcial só veio a ser interposta em 29/09/14, ou seja, um mês e três dias após o esgotamento do prazo legal — afirmou a juíza.
— De qualquer forma, não pode o Tribunal de Justiça analisar as perícias junto ao feito, sem que tenham sido devidamente apreciadas pelo magistrado de primeira instância, sob pena de supressão de instância — acrescentou a relatora.
A magistrada citou entendimento do doutor em Direito Processual Penal, Guilherme de Souza Nucci, no sentido de que a decisão que determina o arquivamento do inquérito pode ser revista a qualquer tempo, inclusive porque novas provas podem surgir. 
— Mesmo depois de a autoridade judiciária ordenar o arquivamento de um inquérito policial, poderão ainda ser realizadas investigações subsequentes pela autoridade policial, a partir de provas substancialmente novas, nos termos do art. 18 do Código de Processo Penal — concluiu a juíza.
Participaram do julgamento o desembargador José Antônio Cidade Pitrez (presidente da 2ª Câmara Criminal) e o juiz convocado, José Ricardo Coutinho Silva, que acompanharam o voto da relatora.



ZERO HORA

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR VI

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR VI

Atividades de Português 3° 4° 5° anos Ens Fundamental










http://www.desenhoseatividades.com/2012/08/portugues-atividades-3-4-5-anos-para_712.html

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR VII

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR VII

Atividades de Português 3° 4° 5° anos Ens Fundamental











http://www.desenhoseatividades.com/2012/08/portugues-atividades-3-4-5-anos-para_1067.html

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR VIII

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR VIII

Atividades de Português 3° 4° 5° anos Ens Fundamental











http://www.desenhoseatividades.com/2012/08/portugues-atividades-3-4-5-anos-para_11.html

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR II

PORTUGUÊS ATIVIDADES 3° 4° 5° ANOS PARA IMPRIMIR II

Atividades de Português 3° 4° 5° anos Ens Fundamental











http://www.desenhoseatividades.com/2012/08/portugues-atividades-3-4-5-anos-para_6672.html

PRODUÇÃO DE TEXTO REDAÇÃO ATIVIDADES EXERCÍCIOS LÍNGUA PORTUGUESA 2° 3° 4° 5° ANOS (II)

PRODUÇÃO DE TEXTO REDAÇÃO ATIVIDADES EXERCÍCIOS LÍNGUA PORTUGUESA 2° 3° 4° 5° ANOS (II)

Língua Portuguesa - Produção de Texto 2° ao 5° ano p imprimir

Produção de Texto - Escrita - Redação - Características dos animais

Produção de Texto - Escrita - Redação - Animais fazenda

Produção de Texto - Escrita - Redação - Recortar colar jogo futebol

Produção de Texto - Escrita - Redação - Observar as cenas e 
escrever uma história

Produção de Texto - Escrita - Redação - Diálogo observar as cenas
Futebol bola vidraça

Produção de Texto - Escrita - Redação - Festa junina dança quadrilha

Observar a cena e criar uma história

Se eu fosse uma bola de futebol - Responder

Futebol - Campeão - Preencha os balõezinhos

Livro - Leitura - Diálogo - Preencher os balões

http://www.desenhoseatividades.com/2014/09/producao-de-texto-redacao-atividades_53.html

PRODUÇÃO DE TEXTO REDAÇÃO ATIVIDADES EXERCÍCIOS LÍNGUA PORTUGUESA 2° 3° 4° 5° ANOS (VI)


PRODUÇÃO DE TEXTO REDAÇÃO ATIVIDADES EXERCÍCIOS LÍNGUA PORTUGUESA 2° 3° 4° 5° ANOS (VI)

Língua Portuguesa - Produção de Texto 2° ao 5° ano p imprimir


Produção de Texto - Redação - Língua Portuguesa - Primavera pássaros flores


Produção de Texto - Redação - Lixo meio ambiente ecologia reciclagem


Produção de Texto - Redação - A Semente Mágica - Árvore ecologia meio ambiente


Produção de Texto - Redação - Dia das Bruxas


Produção de Texto - Redação - Meio ambiente ecologia árvore natureza paisagem


Produção de Texto - Redação - Profissões - Bombeiro


Produção de Texto - Redação - Profissões carpinteiro marceneiro


Produção de Texto - Redação - Lixo - Reciclagem - Pintura


Produção de Texto - Redação - Meio ambiente ecologia paisagem natureza

http://www.desenhoseatividades.com/2014/09/producao-de-texto-redacao-atividades.html

PRODUÇÃO DE TEXTO REDAÇÃO ATIVIDADES EXERCÍCIOS LÍNGUA PORTUGUESA 2° 3° 4° 5° ANOS (IV)

PRODUÇÃO DE TEXTO REDAÇÃO ATIVIDADES EXERCÍCIOS LÍNGUA PORTUGUESA 2° 3° 4° 5° ANOS (IV)

Língua Portuguesa - Produção de Texto 2° ao 5° ano p imprimir

Produção de Texto - Redação - Descobrimento do Brasil - Terra à vista!

Produção de Texto - Redação - Sítio do Picapau Amarelo Emília Visconde

Produção de Texto - Redação - Dia do Índio

Produção de Texto - Redação - Caravelas - Grandes navegações - 
Descobrimento do Brasil

Produção de Texto - Redação - Palhaço - Circo

Produção de Texto - Redação - Raças do Brasil
Negro branco índio

Produção de Texto - Redação - Nossa Pátria - Brasil

Produção de Texto - Redação - Contos - Bela Adormecida - Sete Anões

Produção de Texto - Redação - Urso - Abelha - Mel

Produção de Texto - Redação - Palhaço teatrinho fantoche

http://www.desenhoseatividades.com/2014/09/producao-de-texto-redacao-atividades_70.html