1

1

Google+ Followers

terça-feira, 21 de outubro de 2014

FÁBULA: O MACACO E O COELHO



Em ritmo de volta às aulas, posto aqui uma história super bacana para trabalhar nos primeiros dias de aula, possibilitando a construção dos Combinados da Turma:

São diversas sugestões de atividades, a maioria delas para Educação Infantil, mas tudo pode ser adaptado ou aproveitado para as demais turmas dos Anos Iniciais.







Fantoches para contação da história:

Pode ser feito com outros materiais também, como EVA, papel color-set, etc. Quando trabalhei com meus alunos fiz com papel color-set mesmo, porém não são tão duráveis.








Exploração oral da história:

Atividades envolvendo as letras iniciais dos nomes dos personagens:

Atividade de contagem:




Atividade para Educação Física:

Atividades de Arte:





Atividade de Produção textual:

Além de recortar, ordenar e colar as cenas, poderão escrever sobre a história individualmente (turmas de 3° e 4° ano) ou elaborar texto coletivo com auxílio da professora (turmas de 1º e 2º ano)







Atividade de Ciências:


http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/01/fabula-o-macaco-e-o-coelho.html

BRINCADEIRAS DIVERSAS



http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/01/brincadeiras-diversas.html

BRINCADEIRAS DIVERSAS



http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/01/brincadeiras-diversas.html

QUE NOME É ESSE?



http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/01/que-nome-e-esse.html

MULTIPLICAÇÃO COM LADRILHOS




http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/multiplicacao-com-ladrilhos.html

ATIVIDADES SOBRE MEDIDAS DE CAPACIDADE




http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/atividades-sobre-medidas-de-capacidade.html

ATIVIDADES COM NH, CH E LH




http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/atividades-com-nh-ch-e-lh.html

SONS QUE ENSINAM: ENTRE NO MUNDO DA MÚSICA


Insira a Educação Musical na vida escolar dos seus alunos e se surpreenda com os resultados:


Alteração rítmica
Faixa etária: de 3 a 5 anos 


1. Solicite que as crianças acompanhem o ritmo da música com palmas.
2. Em alguns momentos, alterne a música cantando mais rápido e/ou mais devagar, e a criança deve acompanhar essa mudança com as palmas.
3. Pode-se também utilizar materiais como chocalho, tambor, triângulo e fazer pausas durante uma música. Em cada pausa, um instrumento deve continuar mantendo o ritmo da música. 

Dica esperta!

Brincar de roda é uma forma divertida de fazer a criança cantar, apurar a afinação, a percepção rítmica e melódica.



Formando uma orquestraFaixa etária: 6 anos


1. A ideia é ensinar quais são os instrumentos que compõem uma orquestra (cordas, sopro, percussão etc).
2. Apresentar um vídeo com música orquestral e, então, trabalhar com eles a identificação dos diferentes sons produzidos pelos instrumentos. Qual instrumento se sobressai mais em trechos específicos? Com essas observações é possível trabalhar a discriminação auditiva de sons.
3. É importante que, na escolha de atividades que envolva a música, o professor a diversifique a fim de atingir as várias possibilidades que a música oferece para o desenvolvimento cognitivo da criança. 


Você sabia? 

Para o exercício da regência, atividade do maestro, existem gestos convencionais que precisam ser dominados. Eles foram estabelecidos ao longo da história e permitem um tipo específico de comunicação compreensível por todos que participam do grupo. Existem gestos pessoais que caracterizam o estilo de cada regente, mas algumas convenções, até internacionais, são importantes para que a comunicação se estabeleça de forma homogênea entre grupos distintos. 



Que som é esse?
Objetivo: Desenvolver a percepção do timbre.


Faixa etária: 6 anos 


1. Guarde em uma caixa objetos com sons diferentes: sininhos, chocalhos, apitos de pássaros, reco-reco, latas, flauta.
2. Primeiro, deixe a turma olhar e experimentar.
3. Em um segundo momento, cubra os olhos das crianças e faça você o som, para que elas tentem descobrir o objeto.




Garrafas musicaisObjetivos:
★ Entender as diferenças entre agudo e grave.
★ Observar o funcionamento de uma orquestra e o papel de um maestro.
★ Perceber o tempo de um som.
★ Produzir sons de materiais diversos.

Faixa etária: 6 anos


1. Pegue diversas garrafas PETs pequenas e encha-as com água. Divida alguns grupos, do mais grave ao mais agudo, em cada canto da sala. O que vai deixar o som mais grave será a quantidade de água na garrafa.
2. Peça para as crianças assoprarem na ponta da garrafa, de forma que o assopro chegue até a água fazendo um som.
3. Tente montar na sala uma orquestra com as garrafas. A professora será o maestro apontando para a turma que deverá tocar e quantas vezes. As crianças deverão se atentar às mãos da professora. Gestos mais rápidos um assopro rápido, gestos mais lentos, assopros mais lentos, com um som mais demorado. 

Você sabia?
A música é uma forma de arte que se constitui basicamente em combinar sons e silêncio, seguindo uma pré-organização ao longo do tempo.


O som da escolaObjetivos:
★ Perceber e distinguir os diversos sons do ambiente.
★ Conseguir transmitir visualmente o som.


1. Convide todos a fechar os olhos e escutar.
2. Depois, converse sobre o que ouviram. Sons naturais (canto dos pássaros, latido de cães, vozes, vento, chuva) ou produzidos por máquinas e instrumentos musicais.
3. Passeie com as crianças pela escola para que elas observem os sons do cotidiano nos diferentes ambientes, como pátio, cozinha, corredores.
4. Peça para que façam um mapa da escola, por meio de desenhos que demonstrem as suas observações devido ao estímulo auditivo. 

http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/sons-que-ensinam-entre-no-mundo-da.html

OS NÚMEROS NAS FÉRIAS


Mostre aos alunos que a Matemática está ao nosso redor: nas receitas de culinária, nas viagens, nos cartazes e até na lanchonete

Fazendo gelatinaObjetivos:
* Identificar a unidade de medida adequada para cada ocasião
* Trabalhar com unidades de medida de capacidade
* Desenvolver a noção de proporcionalidade
* Converter medidas em mililitro para litro 

Faixa Etária: 4º ano 

Materiais:
★ Gelatinas

★ Água
★ Panela
★ Taças para servir 


1. Reúna os alunos em grupos de três e distribua os materiais necessários.
2. Em seguida, oriente-os na preparação da gelatina. Com os ingredientes em mãos, realize a preparação da gelatina como descrito no verso das caixas:
* Despeje o conteúdo do pacote em um recipiente contendo 250 ml de água fervente.
* Mexa bem até dissolver o conteúdo do pacote por completo.
* Adicione mais 250 ml de água fria ou gelada.
* Despeje a gelatina em um recipiente e leve à geladeira até endurecer.
3. Após as crianças terminarem de preparar a gelatina, faça as seguintes perguntas: quantos mililitros de água são necessários para preparar uma caixa de gelatina? Quantos mililitros de água serão necessários para preparar três caixas de gelatina? Utilizando 2 copos (500 ml) de água, quantas caixas de gelatina seria possível preparar? 



Interpretando cardápios em uma lanchoneteObjetivos:* Trabalhar operações com números decimais
* Trabalhar com possibilidades
* Desenvolver a noção de proporcionalidade
* Trabalhar operações de sistema monetário

Faixa Etária: 5º ano


Materiais:
★ Lápis
★ Folhas de caderno 




1. Reúna os alunos em grupos de três.
2. Em seguida, apresente a eles um cardápio semelhante ao sugerido abaixo:
3. Depois, de acordo com o cardápio, peça a eles que simulem uma situação e anotem em uma folha de papel três exemplos de pedidos que poderiam ser feitos nessa lanchonete. Veja um exemplo:
3. Após as crianças terminarem de anotar os pedidos, faça perguntas como estas:
* Quantos reais cada pedido custou?
* Quantas são as possibilidades de um cliente, nesta lanchonete, escolher um lanche e uma bebida?
* Supondo que a mesa que fez o pedido 1 pagasse com uma cédula de R$ 50,00, quantos reais iria receber de troco? 
Dica esperta!
Você pode transformar esse mapa em um jogo de tabuleiro fazendo regras próprias, ou pode também fazer uma simulação com a turma, como se estivessem fugindo do fogo e procurando as saídas já encontradas, para sentirem as dificuldades reais do espaço planejado.

http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/os-numeros-nas-ferias.html

O PAPEL DOS EDUCADORES NA VISÃO DE RUBEM ALVES.


O EDUCADOR


RUBEM ALVES




"O estudo da gramática não faz poetas.


O estudo da harmonia não faz compositores.


O estudo da psicologia não faz pessoas equilibradas.


O estudo das "ciências da educação" não faz educadores.


Educadores não podem ser produzidos. Educadores nascem.


O que se pode fazer é ajudá-los a nascer.


Para isso eu falo e escrevo:


para que eles tenham coragem de nascer.


Quero educar os educadores. E isso me dá grande prazer


porque não existe coisa mais importante que educar.


Pela educação o indivíduo se torna mais apto para viver:


aprende a pensar e a resolver problemas práticos da vida.


Pela educação ele se torna mais sensível e mais


rico interiormente,


o que faz dele uma pessoa mais bonita, mais feliz


e mais capaz de conviver com os outros.

http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/o-papel-dos-educadores-na-visao-de.html

MÚSICA: JACARÉ NA LAGOA


http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/musica-jacare-na-lagoa.html

MÚSICA: MINHOCA



http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/musica-minhoca.html

MÚSICA: A GALINHA DO VIZINHO



http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/musica-galinha-do-vizinho.html

POEMA: ONÇA-PINTADA


http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/poema-onca-pintada.html

MATEMÁTICA COM OS PIRATAS: DEZENA E UNIDADE, FORMAÇÃO DE NÚMEROS


http://dani-alfabetizacaodivertida.blogspot.com.br/2014/02/matematica-com-os-piratas-dezena-e.html