1

1

Google+ Followers

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

TORTA DE BANANA CREMOSA

TORTA DE BANANA CREMOSA
Por Aline Kastein

Ingredientes:
Massa podre:
3 ovos
1 xícara de açúcar
4 xícaras de farinha de trigo
2 colheres de margarina
1/2 xícara de óleo
1 e meia colher fermento em pó

Doce de banana
12 bananas nanicas
4 colheres (sopa) de açúcar ... pode ser usada assim a banana ou so ela picada e passada no açucar e na canela (essa fiz assim )

Creme de baunilha
1 l. leite condensado
2 x a medida da l. de leite
2 gemas
1 colher (café) de essência de baunilha
3 colheres de maisena
pode por uma lata de creme de leite no final

Modo de preparo:
Modo de fazer Massa podre: Amasse tudo e forre uma assadeira redonda de 25cm, fundo e laterais, reserve. Deixe um pouco de massa pra cobrir. Modo de fazer doce de banana: Pique as bananas e Leve ao fogo até a banana derreter, mexendo o tempo todo, coloque o doce sobre a massa e reserve. Modo de fazer creme de baunilha: Misture tudo em uma panela e leve ao fogo baixo mexendo sempre p/ não grudar até engrossar. Coloque o creme sobre o doce de banana. Faça tirinhas com a massa que sobrou e coloque por cima na torta, fazendo um quadriculado. (Quanto mais fininhas as tiras e menor o quadriculado, mais delicada a aparência). Em cada quadradinho, coloque 1 cubinho de goiabada.Leve a torta ao forno por mais ou menos 45 minutos. Sirva morna ou gelada....
https://www.facebook.com/Receitasfaceisdefazer?fref=ts

Ideias de bancos com materiais variados


Que tal mandar fazer uma capa para o seu sofá, cheia de bolsos, e deixá-lo com cara de mochila?
Espaço de sobra para controles, revistas e tudo o mais que você quiser ter à mão.

Uma banheira, dessas bem antigas, foi cortada e virou um sofá...


Outra, dessas mais atuais , de fibra de vidro, foi cortada e modelada a virar uma cadeira.



Ficou bem bacana, não?



Aquele assunto, de livros virarem algo, entre duas chapas de madeira, cortadas em formato de pernas, viraram banquinho.Adorei o abajur também...



E vários livros, unidos com cola, viraram banquinho também.Ou mesinha lateral.






FONTE: Home boxer

Os Mitos do Pão "Integral"

Os Mitos do Pão "Integral"

Que o bom e velho pãozinho francês e os pães "integrais" fazem parte de praticamente qualquer que seja a discussão sobre alimentação já sabemos, mas qual a verdadeira diferença entre eles? Quando, de fato, vale a pena a substituição?
Que os alimentos integrais entre eles o pão, o arroz e muitos outros são de fato mais saudáveis muita gente sabe, mas infelizmente só passam a fazer parte da vida de muita gente quando o controle de peso está em jogo. A frase clássica que encanta bastante aos menos informados: "Pão 'integral' emagrece". Será?
A primeira e grande verdade que deve-se acreditar é que de fato, não existe nada que emagreça e nada que engorde. Como assim? O controle de peso está intimamente ligado a quantidade de calorias ingerida e a quantidade de calorias queimadas e não precisa ser super dotado pra entender isso, tenho 10 e tiro 8 sobram 2 e ponto final. 
A grande maioria dos pães integrais são mais calóricos que um tradicional pãozinho francês que possui em média 130 Kcal. Isso choca muita gente mas faz todo sentido uma vez que estes são preparados com farinha integral e muitos possuem a adição de mais uma infinidades de grãos. Mas como a ingestão de pão integral faz todo a diferença? Na verdade a grande virtude do pão e dos alimentos integrais é a forma de digestão que é muito diferente por ser feita de forma bem mais lenta e eficaz, gerando uma liberação glicêmica quase que perfeita de forma gradativa, tudo que a grande maioria das pessoas precisam. Isso tudo não acontece com o pão e muitos alimentos feitos com a farinha refinada, a exemplo do tradicional biscoitinho de água e sal que se digere de forma espantosamente rápida gerando assim uma bomba de glicose, muitas vezes sem necessidade, esta é de fato a grande diferença entre eles.
A triste realidade e o motivo das aspas é que aqui no Brasil, um alimento para ser considerado integral precisa ter somente, acredite, qualquer quantidade de farinha integral, ou seja, um pão feito com 10% de farinha integral pode ter rótulo de "pão Integral".
O órgão responsável por essa fiscalização é a ANVISA mas você pode ficar atento às verdadeiras quantidades e seus rótulos fabulosos!

https://www.facebook.com/pages/Comida-Saud%C3%A1vel-e-Receitas/306224442906191?fref=ts

Lâmpadas Queimadas - Saiba Como Reutilizá-las

Sabe aquelas lâmpadas incandescentes esquecidas na sua casa que já não são mais usadas? Você pode fazer coisas lindas, basta criatividade para reutilizá-las. 
Sempre com muito cuidado para não se cortar, você pode fazer peças diferentes e bonitas.
Eis algumas ideias:


















http://sillovinho.blogspot.com.br/search?updated-max=2013-01-01T19:09:00-02:00&max-results=4&start=20&by-date=false

Sugestões de lanches diferentes para crianças

É tão difícil quando temos crianças que são enjoadas pra comer, temos que rebolar, inventar mil e uma coisas... Adorei essas ideias e resolvi compartilhar com vocês, espero que gostem.

Para o lanche da tarde
Olha que bolo lindo de coruja


Como fazer bolo de coruja
Você vai precisar de:
2 x 22 centímetros bolos redondos, refrigerados - estes podem ser de baunilha ou chocolate ou qualquer bolo que iria trabalhar bem com chocolate e glacê de baunilha - você pode usar 20 centímetros ou 24 centímetros bolos se isso é tudo que você tem
de chocolate e glacê de baunilha
e preto alimentos laranja colorindo
uma faca afiada
um grande tabuleiro para o bolo
uma tábua de cortar
taças para a cereja
papel vegetal para o projeto
Em primeiro lugar eu projetei o bolo coruja em papel vegetal. Desenhe dois círculos 22cm (desenho em torno do seu bolo de estanho) se cruzam a meio caminho. Desenhe nas orelhas, olhos, bico, asas, barriga e pés. Uma vez que você está feliz, passar por cima do contorno (mais os olhos, bico e barriga).
Em seguida, você precisa desenhar um círculo 22 centímetros em um pedaço de papel à prova 
de graxa. Tirar tudo o que não se encaixa no círculo, que será utilizado para a barriga 
(cabeça, orelhas, pés e asas meia). Certifique-se de tudo isso se encaixa no círculo, como isso vai 
ser usado para cortar pedaços de bolo. Cortar as formas. Certifique-se de que ambas as asas são
do mesmo tamanho, bem como os ouvidos e os pés. Se não, é só usar um modelo e revertê-la 
para o outro lado quando cortar o bolo.
Coloque cortar modelos em um bolo e corte cuidadosamente com uma faca afiada em torno das formas.
Colocar o corte de peças de bolo em torno do bolo completo para fazer o mocho. Certifique-se este está em uma placa de serviço legal.
Desenhe os olhos, alunos, cheios asas, bico e barriga em papel vegetal. (Apenas um olho e asa é necessária, uma vez que estes podem ser revertidos para o outro lado). Verifique se o seu barriga é redonda, desenhando um círculo irregular, então dobrando-o ao meio, na metade de novo e de novo, até você chegar você recebe uma cunha. Cortar uma curva no papel para fazer o círculo.
Modelos lugar no bolo e usando um palito ou testador bolo de ir em torno de cada modelo para que você possa ver onde você precisa aplicar o gelo.
Prenda as peças extra de bolo para o bolo redondo com algum glacê.Cobrir a maioria da coruja na cobertura de chocolate. Misture um pouco de chocolate e alguns glacê de baunilha juntos para as asas.Use glacê de baunilha para a barriga e os olhos, e cor alguma cobertura de chocolate preto para as pupilas dos olhos e da laranja glacê de baunilha para o bico. Divirta-se!


Morango + Chocolate 
Coloca os moranguinhos em formas de gelo,derrete o chocolate, preenche as formas e coloca na geladeira


Cenourinha recheada

Uma versão temática dos clássicos canudinhos de maionese, perfeita para a ocasião e que vai fazer os seus coelhinhos adorarem. A confecção é bem simples e dá até pra a criançada participar.


Massa de pastel, pastelão, folhada, etc, comprada pronta ou se você se garantir, faça a sua.
- Ovos para pincelar a massa
- Corantes comestíveis nas cores vermelho e amarelo para chegar ao tom laranja da cenoura. Se tiver a cor pronta, melhor ainda.
*A tinta é que dá o "tchan" da coisa, mas em último caso dá para passar apenas gema de ovo. O problema é que vai ficar com "cara" de pãozinho.
- Recheio da sua preferência: maionese de batata, patê, salsicha, salada de ovo, carne moída, etc.
- Galhinhos de dill fresco ou salsa
De utensílios é preciso:
- Faca ou cortador de pizza
- Cones de metal (moldes) (acha-se fácil em lojas do ramo)
- Pincel
- Papel alumínio ou papel manteiga
- Assadeira grande.
Corte a massa em 6 tirinhas finas como as da foto e pincele com os ovos ligeiramente batidos.


Enrole com cuidado e delicadamente cada tira, como se estivesse brincando de massinha de modelar. Pode ser com a palma da duas mãos, alongando um pouquinho cada rolinho. Faça isso com as seis tiras e depois pincele novamente com os ovos batidos. 




Pegue um cone de metal e, começando pela ponta fina, vá envolvendo o molde cuidadosamente. Deixe a pontinha da massa presa de maneira bem firme para evitar estragos futuros. Lembre-se que você quer imitar uma cenoura como as de desenho, então vá prendendo até o topo do cone. Reserve. 




Coloque umas 30 gotas de corante amarelo em uma tigela pequena e pingue uma ou duas gotas do vermelho. Misture para obter a cor laranja. Esta é a proporção aproximada. Forre uma assadeira com a folha de alumínio ou papel manteiga e prepare-se. Chegou a hora de pintar. Usando o mesmo pincel (lavado, claro) que você pincelou os ovos, cubra homogeneamente toda a superfície de cada cone. Eles já vão começar a ficar com cara de cenoura.






Coloque-os na assadeira e leve ao forno pré-aquecido a 200°. Asse de 6 a 8 minutos ou o tempo que estiver indicado na embalagem da massa. Na metade do tempo é legal dar uma giradinha em cada cone para as cenouras dourarem por inteiro. Desligue o forno, retire a assadeira e deixe esfriar por alguns minutos. Tire as cenouras com cuidado dos cones: segure-a com uma das mãos e com a outra torça levemente o molde, puxando-o para fora.




Recheie cada uma de acordo com o seu gosto e coloque os galhinhos de dill ou salsa. Dependendo do recheio e acondicionados em recipientes bem vedados, duram perfeitamente por 2 dias em geladeira. Claro que o melhor é que sejam feitos no dia de comer. Com quase uma semana de antecedência, dá pra testar bem. Uma ideia bem legal para decorar e criar uma mesa diferente para a Páscoa ou em qualquer outra ocasião.






FONTE: http://www.bemlegaus.com/2012/04/cenoura-de-pascoa.html

BRINCADEIRA - Amarelinha de tecido

Quando eu era criança e queria brincar de amarelinha tinha que desenhar no chão, por isso ao ver essa adorei e vim compartilhar. Nunca tinha visto amarelinha de tecido...já pensou que bacana ir para praia ou para uma chácara e poder colocar na mala....AMEI!!


Melancias esculpidas


Não é de hoje que se faz esculturas em frutas e nos mais diversos tipos de vegetais. 
Uma arte que anda meio esquecida e que muitos consideram brega; principalmente no caso de flores e animais feitos com nabos, cenouras, etc. 
Mas mesmo quem torce o nariz para a ideia, vai curtir as divertidíssimas criações usando melancias. As imagens abaixo são do “What About Watermelon”, um site que como o nome diz, fala única e exclusivamente da fruta preferida da Magali.. 
E não pense que são só imagens, não. Eles ensinam também o passo-a-passo para quem quiser tentar fazer as esculturas nas gorduchinhas.